Atenção
  • JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 997

Uma aventura interventiva no Bar do Lulu

Título: Uma aventura interventiva no Bar do Lulu
Autor(es): R. B. Ferreira and M. B. Maia
Ano: 1994
Periódico: Revista Brasileira de Sexualidade Humana
Volume: 5
Número: 2
Páginas: 172-177
Tipo de Artigo: Opinião
ISSN: 0103-6122
Língua: Portuguese

Resumo: O relato que se segue diz respeito a um trabalho de prevenção em AIDS, desenvolvido entre novembro de 93 e abril de 94 em um bar de Belo Horizonte. A partir da experiência acumulada pelos profissionais de saúde e educação na convivência com o HIV e a AIDS, tanto no que diz respeito aos conhecimentos técnicos/científicos quanto às estratégias de prevenção, descobriu-se que a melhor defesa contra a doença não é a informação. Ainda que as pessoas estejam sendo capazes de estabelecer uma relação mínima entre sexo-AIDS-preservativo, elas não se protegem da infecção (2). Para que a informação seja introjetada e transformada em mudança de comportamento, é preciso ter como subsídio a vivência particular, de tal forma que significados e significantes sejam reinscritos na história individual. Assim, a prevenção em AIDS torna-se o cuidado com a própria existência. Mais do que a informação técnica e científica, há que se desvelar e reavaliar mitos, tabus, fantasias, medos, desejos, dúvidas, que possibilitam a compreensão e o conhecimento de si mesmo à medida que o indivíduo se torna sujeito de suas escolhas (3). Partindo dessas percepções, nos propusemos a desenvolver uma forma alternativa de fazer prevenção em AIDS, na qual pudéssemos trabalhar as informações técnicas junto com o significado individual destas. (resumo indisponível, trecho do artigo).

Entrar