Atenção
  • JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 997

Sexualidade de casais que vivenciaram o câncer de mama: quebrando mitos

Título: Sexualidade de casais que vivenciaram o câncer de mama: quebrando mitos
Autor(es): C. V. C. Gradim and A. M. d. Almeida
Ano: 2006
Periódico: Revista Brasileira de Sexualidade Humana
Volume: 17
Número: 2
Páginas: 201-215
Tipo de Artigo: Trabalhos de Pesquisa
ISSN: 0103-6122
Palavras-chave: câncer de mama; sexualidade; relações de gênero; enfermagem; breast câncer; sexuality; gender relationships; nursing
Língua: Portuguese

Resumo: Este é um estudo qualitativo que teve como objetivo conhecer junto a casais como a prática sexual é exercida após a mulher ter tido o câncer de mama, utilizando-se como referencial teórico as relações de gênero e, como metodologia, a Teoria Fundamentada em Dados. Por meio de entrevistas com nove casais, obtivemos os dados que, após análise, permitiram a criação de duas categorias; 1 - a mama após o câncer: um olhar: órgão que ficou longe das carícias sexuais, 2 - O exercício da sexualidade dos cônjuges: os homens relataram que o desejo sexual não diminuiu pela doença da esposa, mas as relações sexuais, sim. Os dados permitiram  chegar a uma categoria central que gerou o modelo teórico: sexualidade de casais que vivenciaram o câncer de mama: quebrando mitos. ; This is a qualitative study that had as objective knows close to couples as the sexual practice is exercised after the woman to have had the breast cancer, being used as theoretical referential the gender relationships and, as methodology, the Grounded Theory. Through interviews with nine couples, we obtained the data that, after analysis, they allowed the creation of two categories; 1 - the mamma after the cancer: a glance: organ that was far away from the sexual caresses, 2 - The exercise of the spouses' sexuality: the men told that the sexual desire didn't decrease by the wife's disease, but the sexual relationships, did. The data allowed to get to a central category that generated the theoretical model: couples' sexuality that lived the breast cancer: breaking myths.

Entrar