Tipologia dos relacionamentos amorosos

Título: Tipologia dos relacionamentos amorosos
Autor(es): S. Fridman, E. Weber and R. H. Azeredo
Ano: 1994
Periódico: Revista Brasileira de Sexualidade Humana
Volume: 5
Número: 1
Páginas: 30-43
Tipo de Artigo: Opinião
ISSN: 0103-6122
Língua: Portuguese

Resumo: O presente trabalho foi redigido como exigência para titulação no curso de Sexologia e Terapia Sexual promovido conjuntamente por Hólis- Porto Alegre e Ludias-Buenos Aires e ministrado pelo Dr. Juan Carlos Kusnetzoff, no período 1991-1993. Os autores contaram com suas expe- riências profissionais na área da psiquiatria, psicologia e terapia sexual, com a vivência de diferentes atividades teóricas neste campo, a salientar a participação no Curso Intensivo de Terapia Sexual, em Brasília, coordena- do pelos Drs. Ricardo e Mabel Cavalcanti, Este trabalho propõe-se como um ensaio em que o tema das formas de amar é tratado como um objeto do conhecimento. Busca dar alguns passos na construção de uma ponte da poesia à epidemiologia. Para tal o instrumento básico foi a revisão bibliográfica e a compreensão da necessidade de estabelecerem-se conhecimentos menos especulativos e preconceituosos a respeito das possibilidades amorosas do ser humano e seus efeitos sobre sua sexualidade e sua vida em geral. Optamos pela busca de algumas definições básicas e que pudessem ser aplicadas com satisfatória confiabilidade por diferentes examinadores. Não foi dado tratamento estatístico nesta fase do trabalho por absoluta falta de recursos. A classificação proposta compõe-se de 5 subclassificações: A. Características difusas e globais; B. Características quanto à fidelidade; C. Características específicas da sexualidade; D. Padrão principal do desejo e excitação; E. Forma de habitação.

Entrar