Contribuição ao estudo psicossocial da adolescência

Título: Contribuição ao estudo psicossocial da adolescência
Autor(es): C. T. Lazzaretti, R. P. d. Andrade and C. Regiani
Ano: 1990
Periódico: Revista Brasileira de Sexualidade Humana
Volume: 1
Número: 2
Páginas: 73-82
Tipo de Artigo: Trabalhos de Pesquisa
ISSN: 0103-6122
Língua: Portuguese

Resumo: No Departamento de Tocoginecologia da Universidade Federal do Paraná, foi criado o AMA - Atendimento Multidisciplinar ao Adolescente - com a finalidade de oferecer um atendimento específico a essa faixa etária. No setor de Psicologia do AMA foram aplicados 120 questionários, sendo 60 para adolescentes grávidas e 60 para não grávidas, tendo por formalidade realizar uma avaliação psicossocial das mesmas. Dentre os principais dados obtidos destacamos: 1. Entre as grávidas, 80% tinha idade entre 16 e 17 anos; 2. 95% das grávidas e 80,5% das não grávidas começaram a namorar antes dos 16 anos de idade; 3. 58,5% das grávidas iniciaram atividade sexual antes de completar 16 anos e, das não grávidas, 47%; 4. 84% das grávidas e 67,5% das não grávidas tinham apenas um parceiro; 5. Com relação à sensação de prazer durante o ato sexual, apenas 47% das grávidas e 38% das não grávidas referiram senti-lo; 6. A quase totalidade das adolescentes referiram conhecer os métodos anticoncepcionais, mas entre as grávidas apenas 31,5% referiram já ter utilizado; 7. 80% das grávidas viviam junto com o companheiro (36.5% casadas e 43,5 amasiadas) e 70% das não grávidas não viviam com nenhum companheiro; 8. As pacientes grávidas referiram bom relacionamento com o companheiro em 76% das vezes, com a mãe em 60% e com o pai em apenas 23%. ; In the Department of Obstetrics and Gynecology of the Federal University of Paraná, Brazil, it was created the AMA - Multidisciplinary Assistance to Adolescent - to offer a specific assistance to this popula- tion. In the psychologic sector, 120 questionaires were applicated to 60 pregnant and to 60 non pregnant adolescents. The results are: 1. 80% of the pregnant were between 16 and 17 years old; 2. 95% of the pregnants and 80,5% of the non pregnants had a boyfriend before the age of 16; 3. 58,5% of the pregnants began sexual activity before the 16 and between the non pregnants, 47%; 4. 84% of the pregnants and 67,5% of the non pregnants had only one partner; 5. Only 47% of the pregnants and 38% of the non pregnant had pleasure during the intercourse; 6. The great majority of the adolescents knew the contraceptive methods, but only 31,5% of the pregnants had already used them; 7. 80% of the pregnants were living with their partners (36,5% married) and 70% of the non pregnants were living without a partner; 8. 76% of the pregnants said they had good relationship with their partners, 60% with their mothers and only 23% with their fathers.

Entrar