SBRASH – Por que vale a pena ser associado

A SBRASH – Sociedade Brasileira de Sexualidade Humana é a resposta de uma história de especialistas que acreditaram em uma Instituição que pudesse promover e liderar o intercâmbio científico entre profissionais interessados no estudo das diferentes dimensões da sexualidade humana, de forma ética e responsável. Foi constituída legalmente em 1986 e ao longo destes anos, a SBRASH e seus representantes realizaram e realizam esforços para o cumprimento de sua missão e seus objetivos, tais como:
• Desenvolver conhecimentos e pesquisas para alicerçar intervenções e novos estudos que promovam a saúde sexual e o exercício dos direitos sexuais.
• Incentivar a publicação de livros, revistas e outros documentos informativos sobre sexualidade humana, utilizando diferentes suportes, incluindo a internet.
• Produzir e publicar a Revista Brasileira de Sexualidade Humana, que narra a trajetória de estudiosos e pesquisadores, através de artigos científicos, ensaios, entrevistas e resumos que inovam e atualizam saberes, bem como impulsionam a busca e efetivação de novos desafios e estudos.
• Atualizar e qualificar os associados através da participação em congressos, cursos de atualização, jornadas, simpósios, seminários entre outros, bem como da promoção e apoio a eventos locais, regionais e nacionais.
• Manter intercâmbios com diversas instituições, entidades, organizações ou conselhos profissionais.
• Emitir o Certificado de Título de Especialista em Sexualidade Humana, nas áreas clínica, social e educacional.

Salientamos que a SBRASH foi a primeira associação científica do Brasil multidisciplinar, integrando profissionais de saúde, educação e da área social. Desenvolveu parcerias importantes, as quais é associada: FLASSES – Federación Latinoamericana de Sociedades de Sexología y Educación Sexual e WAS – World Association for Sexual Health. Logo, ser associado da SBRASH é ser membro também da FLASSES e da WAS.
Para fazer parte do quadro de associados da SBRASH, o candidato será avaliado criteriosamente pela diretoria, e o mesmo deverá apresentar comprovação de formação na área de sexualidade humana, com certificação reconhecida pelo MEC, desenvolvimento de atividade correlata, com experiência mínima de 2 anos, publicações, atualizações, entre outras especificações. Portanto, tornar-se membro associado da SBRASH, é fazer parte de uma equipe seleta de profissionais especializados,
Além de contribuições sociais e de intercâmbio de conhecimentos, em vista da absoluta ausência de normatização para qualificação de profissionais que atuam na área da sexualidade, a SBRASH avalia por prova especializada as competências do profissional associado, sendo conferido ao interessado, o Título de Especialista em Sexualidade Humana (TESH). A titulação é única no Brasil, sendo atribuída aos profissionais associados que se submetem a tal avaliação proposta por comissão técnica qualificada.

 

CONFIRA OS BENEFÍCIOS DE SE ASSOCIAR A SBRASH

Composta por associados, a entidade é gerida por uma Diretoria, Conselhos e Comitês, tendo ainda, a participação dos associados como Delegados Estaduais para permitir uma atuação descentralizada no amplo território brasileiro. Todos os cargos são exercidos sem remuneração e os mandatos são conferidos por eleições diretas, com duração de 2 (dois) anos.

Conheça os benefícios da filiação:
– Receberá periodicamente um boletim online que contempla artigos, publicações, pesquisas, eventos, informações entre outros;
– Receberá a única revista científica especializada na área da sexualidade, desde 1990, a denominada Revista Brasileira de Sexualidade Humana (RBSH);
– Terá acesso as publicações científicas da Revista Brasileira de Sexualidade Humana (RBSH);
– Poderá ser um colaborador de artigos para o site da SBRASH com ampla divulgação no site e boletim institucional;
– Poderá publicar artigos na Revista Brasileira de Sexualidade Humana (RBSH), segundo avaliação e normas de publicação;
– Terá desconto em taxas ou inscrições em eventos realizados pela diretoria, delegados ou membros da SBRASH.
– Poderá ter descontos nas taxas ou inscrições de eventos das instituições parceiras (WAS e FLASSES) e/ou eventos apoiados pela SBRASH;
– Estará representado pela SBRASH na Federação Latino-Americana de Sexologia e Educação Sexual (FLASSES) e Associação Mundial para a Saúde Sexual (WAS);
– Saberá o que está acontecendo com outras sociedades parceiras, como a FLASSES e WAS, entre outras;
– Poderá realizar eventos sociais e científicos com o apoio da SBRASH (seguindo os regulamentos internos da instituição);
– Terá acesso exclusivo em todas as áreas que envolvem as atividades da SBRASH com conteúdos institucionais e científicos;
– Estará em contato com instituições, profissionais e pesquisadores renomados da área da sexualidade que trabalham e estudam suas diversas dimensões;
– Terá a divulgação da associação publicada no site da SBRASH com descrições curriculares, das atividades desenvolvidas e dos contatos;
– Poderá apresentar-se publicamente na qualidade de associado;
– Terá a visibilidade de milhares de pessoas diárias que navegam no site da SBRASH;
– Poderá participar de enquetes institucionais para decisões sobre as atuações da SBRASH para com temas ligados a sexualidade no Brasil;
– Poderá pleitear cargos institucionais, votar e ser votado para atuar de maneira administrativa na SBRASH;
– Terá uma agenda atualizada dos principais eventos regionais, nacionais e internacionais da área da sexualidade humana.
– Poderá participar de atividades de atualização em sexualidade humana, através da nossa plataforma EAD.

 

DIRETORIA SBRASH Biênio 2020-2021

Presidente – Sheila Reis
Vice-presidente – Yeda Portela
Secretário Geral– Juliano Coimbra
Diretora Tesoureira – Talita Castelão
Diretora Editora – Ana Cristina Canosa Gonçalves
Diretora de Relacionamento – Tereza Cristina Pereira Carvalho Fagundes
Diretora de Titulação – Lina Wainberg

 

Documentos necessários à avaliação dos pedidos de Associação à SBRASH.

  • Cadastro de Pessoas Físicas (CPF);
  • Registro Geral (RG) ou Carteira de Habilitação/Passaporte Válido;
  • Diploma(s) de Graduação na área ou área afim;
  • Diploma(s) de Pós-Graduação (Doutorado, Mestrado ou Especialização) na área ou área afim;
  • Títulos/Cursos Relevantes na área ou áreas afins;
  • Documento/Carteira do Conselho;
  • Carta de Interesse para pedido de associação;
  • Declaração de Terceiro de atuação na Área da Sexualidade.

Obs. Enviar cada documento em arquivo separado: relacionamento@sbrash.org.br

Rio de Janeiro, 26 de janeiro de 2020